Coronavírus - Prevenção no MPPR

Esta página pretende auxiliar membros, servidores, estagiários e voluntários do Ministério Público do Paraná na prevenção do Novo Coronavírus (Covid-19) no âmbito do MPPR. Aqui você encontra informações e todos os atos administrativos editados pela Procuradoria-Geral de Justiça, no sentido de tentar evitar a disseminação do vírus entre os integrantes da instituição, seus familiares e as pessoas que diariamente procuram as dependências da instituição.

Veja as resoluções na íntegra:

Medidas de contingência (Resolução n°1613)     Estagiários (Resolução n°1633)      Segundo Grau (Resolução n°1643)      Atendimento ao público (Resolução n°1645)    


Confira também as orientações, informações e materiais disponibilizados pelo Caop de Proteção à Saúde Pública.

 

 

 

 

 

     Comunique ao Departamento de Gestão de Pessoas
     antes de voltar ao trabalho: (41) 3250-4158  / 3250-4348
     coronavírus@mppr.mp.br

     * A medida vale também para quem teve contato com pessoas que viajaram
        para locais atingidos.

 

 

        

 

 

 

 

 

                       Você pode trabalhar de casa!
                       A solicitação de trabalho a distância deve ser feita à SubAdm pelos e-mails:
                       mpgabpgj@mppr.mp.br ou subadm.dgp.diasso@mppr.mp.br
 

                       * Doenças de maior risco – hipertensão, diabetes, problemas cardíacos, pulmonares, renais e hepáticos, doenças autoimunes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    Fique em casa e comunique a SubAdm.
    Os casos confirmados devem ser informados pelos e-mails: mpgabpgj@mppr.mp.br  ou
    subadm.dgp.diasso@mppr.mp.br. As suspeitas devem ser comunicadas
    pelo e-mail coronavírus@mppr.mp.br ou pelos telefones (41) 3250-4158  / 3250-4348.

    * Os principais sintomas são febre, cansaço, tosse seca, dor de garganta, coriza e congestão nasal.

    Saiba mais na Resolução nº 1613, que estabelece medidas de prevenção ao COVID-19 no MPPR.

 

 

 

 

 

 

 

                               • Lave as mãos com frequência ou higienize com álcool em gel 70%
                               • Ao tossir, cubra o nariz e a boca com o braço ou um lenço de papel descartável
                               • Se estiver doente, evite contato com outras pessoas e fique em casa até melhorar
                               • Evite tocar olhos, nariz e boca
                               • Não compartilhe objetos de uso pessoal (talheres, toalhas, pratos e copos)
                               • Deixe os ambientes ventilados e evite lugares com aglomeração de pessoas

                                       Fonte: Ministério da Saúde

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As atividades presenciais dos estagiários de ensino médio, graduação e 
pós-graduação e dos voluntários que atuam no MPPR foram suspensas 
temporariamente. A orientação é para que permaneçam em casa e que 
conversem com os seus supervisores para realizarem suas atividades a 
distância, quando possível. 

 

 

 

 

 

 

 

 

                    Membros e servidores que atuam no Segundo-Grau podem trabalhar a distância, 
                 em caráter temporário e excepcional, para se evitar a circulação de pessoas nos
                 prédios do MPPR.
                 Atenção: fique atento às orientações dos coordenadores de cada grupo.

 

 

 

 

Trabalho remoto

As Promotorias de Justiça podem adotar o trabalho a distância, desde seja mantida uma equipe
mínima presencial para garantir o funcionamento da unidade e o atendimento ao público.
Neste sentido, as equipes devem se organizar, divulgar localmente seus canais de atendimento
por telefone e e-mails, além de seguir as orientações do Ministério da Saúde e da Coordenadoria 
da Política de Atendimento ao Público do MPPR (abaixo) nos casos em que o 
atendimento presencial for necessário.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1 – Siga as orientações de prevenção do Ministério da Saúde 
(Lave bem as mãos com frequência ou higienize-as com álcool em gel 70%; ao tossir, cubra o nariz e a boca com o braço ou um lenço de papel descartável; evite tocar olhos, nariz e boca; não compartilhe objetos de uso pessoal; deixe os ambientes ventilados e evite aglomerações de pessoas)
2 – Seja cordial, mas evite contato físico com as pessoas
3 – Procure lavar as mãos com água e sabão a cada atendimento realizado
4 – Mantenha o ambiente arejado e adote medidas para reduzir o tempo de permanência e aglomerações nas salas de atendimento ou de espera. Organize os visitantes de forma a manterem distância mínima de um metro de outra pessoa.
5 – Limpe com álcool em gel, com frequência, canetas e telefones de uso comum, além de mesas ou bancadas utilizadas no atendimento.

 

 

Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem